10 parques jundiaienses para visitar com a família

capa_parques

Jundiaí é conhecida por ser o berço da Serra do Japi, de uma importante e diversificada zona rural e de grandes áreas verdes de preservação.

Nos últimos anos, a cidade atingiu um grande número de parques – com entrada gratuita à população. Alguns são antigos, outros mais recentes, mas todos oferecem opções de lazer em que prevalecem o contato com a natureza.

O melhor de tudo: eles ficam muito próximos ao Hotel, com 15 minutos de distância, no máximo. Dá pra se hospedar ou tomar um café da manhã aqui e, depois, sair em expedição.

Faça sua lista e traga a família e amigos!

 

Bosque do Jardim Copacabana

Academia ao ar livre, 870 metros de pista de caminhada, playground e dois mirantes. Rua José Tonelli, s/nº, Jardim Copacabana. Diariamente, das 6h às 20h.

Bosque_Copacabana_A_116g

 

Jardim Botânico

São 150 mil m2 de uma área totalmente preservada, mas que possui histórico de degradação. Entre as atrações, estão: Jardim de Aromas e Medicinais, diversas espécies de flores, jardins temáticos (Espaço África, Jardim Italiano e Jardim Japonês), orquidário, trilhas, cachoeiras, viveiro de muda e uma pista de caminhada e ciclovia, interligada ao Parque da Cidade. Possui ainda um Programa de Educação Ambiental, que recebe alunos e grupos de pessoas interessadas, com prévio agendamento. Av. Antônio Frederico Ozanan, 6400. Diariamente, das 8h às 18h.

 

Parque da Cidade

Com 500 mil m2, o espaço foi desenvolvido para preservar o entorno da represa de Jundiaí. Recebe cerca de 5 mil pessoas por final de semana e possui academia ao ar livre, Centro Náutico, Jardim Japonês, pista para caminhada e ciclovia, pista de aeromodelismo, pistas de automodelismo (com circuitos on e off road), playgrounds e quadras. Rod. João Cereser, km 66. Diariamente, das 6h30 às 19h, com entrada permitida até as 18h.

pq_cidade_jundiai3

 

Parque Botânico Eloy Chaves

Pista de caminhada, quadra de areia, playground e pontes em 41 mil m2 de área verde preservada. Possui ainda 21 equipamentos de ginástica, com dois destinados a pessoas com mobilidade reduzida. Av. Benedito Castilho de Andrade, 1000, Eloy Chaves. De segunda a sexta-feira, das 6h às 19h, e aos sábados, domingos e feriados, das 7h às 19h.

eloy chaves

 

Parque Botânico Tulipas Professor Aziz Ab’Saber

Aproximadamente 125 mil m2, com academia, quadra poliesportiva, quadras de areia, playground, ciclovia, pista de caminhada, cachoeiras e lagoas, postes, quiosques, biblioteca e Wi-Fi gratuito. Rua Congani Bocalão, 34, Jardim das Tulipas. Diariamente, das 6h às 19h.

 

Parque Comendador Antônio Carbonari

Conhecido como Parque da Uva, recebe eventos grandes, como a Festa da Uva e Feira da Amizade, além de feiras internacionais, shows e apresentações culturais. Tem Wi-Fi gratuito, espaços arborizados, estacionamento gratuito e aparelhos de ginástica ao ar livre. Av. Jundiaí, s/nº, Anhangabaú. Diariamente, das 7h às 18h.

parque da uva

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Parque do Trabalhador

Também chamado de Parque do Corrupira, é conhecido por receber a festa do Dia do Trabalho. Possui quiosques com churrasqueiras, pavilhões para espetáculos populares, trenzinho, área para piquenique e estacionamento. Fica em 225 mil m2, sendo 140 mil m2 de mata nativa, considerado atualmente como reserva biológica. Av. Nicola Acieri, 1900, bairro Corrupira. De quinta-feira a domingo, das 8h às 17h.

Parque-Corrupira-Entrada

 

 

 

 

 

 

 

 

Parque Jardim do Lago Antônio Garcia Machado

Quadras, playgrounds, academias ao ar livre, pista de skate, circuito slackline e pista de caminhada. Fica ao lado da Paróquia Nossa Senhora do Montenegro, entre a rua José Pedro de Oliveira e a Av. dos Expedicionários. Diariamente, das 6h às 20h.

parque_jardim_lago_P_198G-720x448

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Parque do Engordadouro Ângelo Costa

173 mil m2, recebe animais de estimação, tem lagos, mirantes, quiosques, academia, parque infantil, paraciclos, quadras, trilhas, pistas de caminhadas e ciclovia. Av. André Costa, 1595, com acesso pelo bairro Morada das Vinhas ou também pela Av. Pedro Clarismundo Fornari. Diariamente, das 6h às 19h.

 

Parque Ecológico Morada das Vinhas José Roberto Mota ‘Barroca’

Antes de se tornar parque, o local era um ponto ilegal de descarte de entulho. Hoje, possui um Ecoponto, onde as pessoas podem descartar pneus, madeiras, galhos, eletroeletrônicos, pilhas, baterias, lâmpadas, óleo de cozinha e materiais recicláveis. Possui ainda pista de caminhada, aceita animais de estimação, tem academia ao ar livre, playgrounds, casa de escoteiros, horta com plantas medicinais, campo de malha, espaço para leitura, deck panorâmico, ponte e exposição permanente de grafite. Av. Uva Niágara, s/nº. Diariamente, das 6h às 19h.

Pq_Morada_Vinhas_P_3

 

 

Fotos: Prefeitura de Jundiaí, Alessandro Rosman, Paulo Grégio e Google

Fonte: www.jundiai.sp.gov.br/servicos-publicos